Na segunda-feira (11), a ROMU prendeu um homem acusado de assaltar um posto de gasolina, em seguida, na tarde da quarta-feira (13), a Polícia Civil conseguiu capturar mais um indivíduo, através de esclarecimento feito pelo primeiro indivíduo detido.

Segundo informações, o sujeito foi capturado na casa de seu pai e indicou o local que escondia a arma de fogo, em um matagal próximo a casa de sua irmã. De acordo com o delegado titular do Município Wagner Milhardo, o homem autuado em flagrante, ficará em prisão preventiva.

Com isso, o sujeito está sendo indiciado não só pela posse ilegal do revólver, mas também pela suposta participação no assalto, uma vez que mesmo sem ser identificado pelo frentista vítima do crime, foi indicado pelo parceiro preso como um dos participantes.

Continua Após a Publicidade

Tendo em vista as prisões até então realizadas, está faltando apenas a captura de um indivíduo que supostamente teria participado do assalto ao posto, para que as investigações provem de fato a participação dos acusados no roubo e conclua o crime por completo.