As aulas foram canceladas em meados de Maio e até Setembro não houve retorno. (Foto: Caroline Leme/DiárioRP)

Alunos do curso de Taekwondo ministrados nas dependências da Escola Municipal Engenheiro Carlos Rohm pelo Mestre Givaldo Gomes, estão sem aulas desde maio deste ano.

Vinculadas ao programa “Lutando pela educação” através da Secretaria de Educação, Inclusão e Tecnologia (SEIT), as aulas foram suspensas após uma semana de chuvas fortes causarem infiltrações e a sala de treino ser interditada.

Algumas das crianças na faixa etária de 5 a 12 anos que participavam do curso já a três anos, chegaram inclusive a adquirir a vestimenta necessária chamada Dobok durante o programa. Mas, ao chegarem para as aulas em maio, foram surpreendidas com o aviso afixado na porta.

Continua Após a Publicidade

Desde então, as aulas não retornaram e o aviso de interdição permanece na porta da sala anexa à EM Engº Carlos Rohm.

Funcionários do local, ao serem questionados, dizem que toda vez que chove é necessário tirar a água que se acumula no local por conta da infiltração.

Procurada pela equipe do DiárioRP, a Prefeitura se limitou a responder que as aulas foram transferidas para a Secretaria de Esportes e os cadastros dos alunos são realizados conforme disponibilidade de vagas.