O Centro Ocupacional e Profissionalizante Adelia Redivo (COPAR), localizado no bairro Pilar Velho em Ribeirão Pires, recebe estudantes com deficiência, mas padece por condições ruins das ruas nas proximidades.

\"CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE\"

“Está uma tristeza, os alunos são especias, a maioria vêm de longe e enfrentam essas condições. Se uma pessoa que não conhece a via passa por aqui na chuva, é muito arriscado que o carro vire, porque até um jipe já tombou aqui” disse um motorista de van que transporta os alunos.

O COPAR, tem como objetivo encaminhar não só adolescentes, mas também adultos com deficiências e distúrbios de aprendizagem para o mercado de trabalho, visando o desenvolvimento de suas potencialidades e capacidade de relação coletiva.

Segundo a Prefeitura de Ribeirão Pires, a via faz parte do cronograma de manutenção da Secretaria de Serviços Urbanos, e as intervenções no local devem ser efetuadas nos próximos dias.