Na última sexta-feira (27), o Padre Ricardo José, pároco da Igreja Matriz São José, registrou um boletim de ocorrência na Delegacia Policial, contra José Francisco da Silva.

O acusado aparece nas Missas não só na Igreja Matriz, mas também nas capelas Santa Cruz e Beato João Batista Scalabrini, com o objetivo de causar alvoroço nas celebrações ali realizadas. Além disso, foram encontradas também, mensagens ofensivas e com apelo sexual deste homem.

continua após a publicidade

Segundo o Sacerdote, já houveram diversas tentativas de acolhimento e conversa da comunidade para com o indivíduo, uma vez que o tumulto ocorre já há cerca de quatro meses. No entanto, todas investidas sem sucesso.

“Já chamamos para conversar e tentar entendê-lo diversas vezes, mas a algazarra continua. Sempre foi nossa intenção acolher ele, até porque creio que tenha problemas mentais. Mesmo assim, registrei o boletim de ocorrência como último caso, a fim de que haja enfim uma mudança de comportamento.” disse o Padre.

O padrão de conduta do sujeito, resultou no susto e afastamento de alguns fiéis da paróquia, os quais temem estar próximo de alguém perigoso.