Como nossos filhos vão à escola com o mato tomando conta das ruas?

Nos próximos dias nossas crianças, jovens e adultos retornam as aulas, mais um ano de ensinamento e aprendizado, contudo, dar condições para o crescimento intelectual passa também pelo caminho que leva as salas de aula.

É inadmissível que esses caminhos e escadões não ofereçam segurança para estudantes e país. Durante minha caminhada diária pelos bairros de Ribeirão Pires vejo o desleixo da administração com a população. Ruas abandonadas, com buracos, de terra, e escadões abandonados. Até animais nocivos, como ratos e cobras disputam o passar com o povo.
E preciso agir, deixar de organizar somente a região central para levar, pelo menos o básico aos moradores dos bairros.

Um exemplo fica no Bairro São Cetaninho. Triste,mas a mais pura verdade. A estância de hoje não oferece condições dignas para população. O Novo Tempo não chegou. Até quando teremos que esperar as promessas se transformarem em realidade? Acho que ainda vai demorar. Pena!

De qualquer forma seguimos atentos. Buscando denunciar os descasos, cobrando soluções. Assim atuo, assim pauto o meu mandato, assim seguirei até me ouvirem.

MAIS LIDAS

2019: Novos rumos, novos desafios

Chegamos exatamente na metade de nosso mandato, muito foi conquistado, muito foi batalhado e muito foi perdido, mas tudo na vida é...

Como nossos filhos vão à escola com o mato tomando conta das ruas?

Nos próximos dias nossas crianças, jovens e adultos retornam as aulas, mais um ano de ensinamento e aprendizado, contudo, dar condições...

ÚLTIMAS EM BLOGS

Elzinha: O elo fraco da gestão de Kiko Teixeira

A ex vereadora, e atual comandante da...

Rubão: O rei dos idiotas

Rubão não gostou de ser derrotado...

Como nossos filhos vão à escola com o mato tomando conta das ruas?

Nos próximos dias nossas crianças, jovens...

2019: Novos rumos, novos desafios

Chegamos exatamente na metade de nosso mandato,...

A triste morte política de Dedé da Folha

Edinaldo de Menezes, Dedé da Folha, como é conhecido...