Ribeirão Pires reinaugura unidade do Banco do Povo Paulista

Na manhã desta quinta-feira, dia 5, a Prefeitura da Estância Turística de Ribeirão Pires, por meio da Secretaria de Turismo e Desenvolvimento Econômico do município, promoveu a reinauguração da unidade do Banco do Povo Paulista, em parceria com a SERT- Secretaria de Emprego e Relações do Trabalho, do Governo do Estado de São Paulo.

Continua após a publicidade.

No evento estavam presentes o prefeito da Estância, Adler Teixeira – Kiko, o vice-prefeito Gabriel Roncon, a primeira-dama e presidente do Fundo Social de Solidariedade, Flávia Dotto, vereadores e demais autoridades municipais. Também prestigiaram a cerimônia de reinauguração o secretário da SERT – Secretaria de Emprego e Relações do Trabalho, Cícero Firmino da Silva, o Martinha; o diretor executivo do Banco do Povo Paulista, Alan Cortez; o diretor regional da SERT – Zona Sul (que abrange a região do Grande ABC), Eduardo Henrique de Macedo Jesuz; o ex-diretor regional da SERT, e Dr. Sidney Luiz da Cruz e Márcio Bertolini, responsável pelo setor de políticas públicas do SEBRAE.

“A reinauguração do Banco do Povo Paulista, com o apoio do Governo, representa grande avanço para pequenos investidores de nossa cidade, uma vez que o crédito disponibilizado pela instituição tem juros baixos e boas condições de financiamento. Isso viabiliza a tomada de crédito que é direcionado ao fortalecimento dos pequenos negócios, que têm papel expressivo na geração de empregos, renda e receita ao município”, avaliou o prefeito Kiko.

O Banco do Povo Paulista volta a funcionar em Ribeirão Pires depois de ficar inativo por quatro anos. A atual gestão retoma o serviço por meio do Convênio nº 038/18, firmado com o Governo do Estado de São Paulo em maio deste ano. O termo celebra a reimplantação e manutenção da unidade do Banco do Povo Paulista na cidade, promovendo a concessão de financiamento a microempreendedores e pequenos empresários por meio do Fundo de Investimentos de Crédito Produtivo Popular de São Paulo.

“Trabalhamos muito em parceria com a Prefeitura para a retomada deste serviço na cidade. O Banco do Povo é uma grande oportunidade para que micro e pequenos empreendedores possam impulsionar os seus negócios, pagando apenas 0,35% de juros ao mês”, explicou o secretário Martinha.

O empreendedor Gilmar Soares Santana, 43 anos, morador do bairro Ponte Seca, foi o primeiro microempreendedor atendido pelo programa. “Sou revendedor de produtos laticínios há 15 anos. Esta é a sexta vez que recorro ao Banco do Povo para um financiamento, que utilizo como capital de giro para o meu empreendimento. Fico muito feliz com o retorno do serviço ao nosso município. A taxa de juros muito mais baixa torna o financiamento do Banco do Povo mais viável que qualquer banco”, explica.

O Banco do Povo está disponível de segunda a sexta-feira, das 13h às 16h, e os interessados devem comparecer ao posto do Atende Fácil – Avenida Capitão José Gallo, 55 – Centro.