O Governo de São Paulo anunciou nesta sexta-feira (22) medidas mais restritivas para o todo estado, que voltam à fase vermelha do Plano SP aos finais de semana, feriados e após as 20h de dias úteis. A medida foi anunciada após a expressiva evolução da Covid-19 na região metropolitana e em todo o Estado.

A alteração no Plano SP tem por objetivo impedir a disseminação, o aumento de casos e internações pelo coronavírus no Estado.

Em Mauá, o município mais preocupante com o avanço da Covid-19 no Grande ABC, chegou a ter os leitos de UTI com capacidade máxima em utilização de 100%. Em Ribeirão Pires, a ocupação de leitos de UTI estava em 37,5% nesta quinta-feira (21).

Durante a fase vermelha só podem funcionar serviços essenciais, como farmácias, mercados e padarias. Outros estabelecimentos como bares, restaurantes, academias e shoppings não estão permitidos funcionar. A medida passa a valer a partir da próxima segunda-feira (25).