O Prédio do SESI, será a nova base da ROMU, equipe de Elite da Guarda Civil Municipal da cidade. O prédio fica localizado na Rua Prefeito Valdírio Prisco (antiga Avenida Brasil), na entrada do condomínio onde reside o vice-prefeito da cidade, Gabriel Eid Roncon (PTB) e sua família.

Logo em 2017, Paulo Skaf veio até Ribeirão Pires e se reuniu com o Prefeito Kiko Teixeira (PSDB), mas de lá pra cá as conversas não andaram e o SESI decidiu abandonar a cidade após não chegar a um consenso com a prefeitura municipal sobre um novo lugar para a construção da escola. A princípio, a prefeitura tentava doar a antiga fábrica de sal, mas após intervenção do Ministério Público, a escola decidiu abrir mão da área.

Em novembro do ano passado, mesmo depois de muitas tentativas, a Fiesp bateu o martelo e anunciou que não abriria novas vagas para Ribeirão Pires e apenas finalizaria as turmas que já estavam matriculadas.

Continua Após a Publicidade

O Prédio, no entanto, está parcialmente embargado pela Defesa Civil por conta de desmoronamentos que ocorreram e soterraram parte da estrutura. O risco de novos desmoronamentos era o principal motivo pelo qual a escola queria deixar o local.