Após um pedido do Vereador Amigão D’orto (PSB), a prefeitura de Ribeirão Pires passou a divulgar os casos confirmados de Covid-19 através de regiões subdivididas de nossa cidade. O local de moradia do infectado é o fator geográfico analisado para a inclusão da tabela de dados.

Continua após a Publicidade

A prefeitura dividiu Ribeirão Pires em seis diferentes zonas, onde é possível verificar quais são os principais locais de infecção no município. A primeira região, e com mais casos é a zona onde fica o Centro alto (Vila Aurora, Vila Nova suissa, Maristela, etc..), centro e região da Colôlia (Bertoldo, Jardim Alvorada, Itacolomi, etc). Nesta região já foram 62 casos confirmados da doença. Destes, nove pessoas não resistiram e morreram.

Continua Após a Publicidade

A segunda região com mais casos na cidade é a do Parque Aliança, Bocaina e região. Ao todo, 43 pessoas testaram positivo para o covid-19 e quatro morreram. Na região da Santa Luzia, Pilar e adjacências teve uma morte confirmada e 38 moradores testaram positivo para o vírus.

A região do Jardim Roncon, Santana e Barro Branco, teve 33 moradores que testaram positivo para o vírus.Três morreram. Na quarta divisão e Ouro fino já são 32 casos confirmados e quatro óbitos e na região da Represa e jardim Caçula já há uma morte por conta da doença e outras 15 pessoas foram infectadas.

Especialistas, no entanto, alertam para os casos de subnotificação, e informam que os casos podem ser inúmeras vezes maiores do que os divulgados, já que não há a testagem em massa da população.