A Secretaria de Assistência Social e Cidadania da Prefeitura de Ribeirão Pires deu início ao projeto “Cine CRAS”, no mês de outubro. A ação, desenvolvida pelo CRAS Quarta Divisão, no anfiteatro do CEU (Centro de Artes e Esportes Unificados), realiza projeção de filmes diversos, de forma gratuita, promovendo entretenimento e integração da comunidade.

A primeira sessão, atendeu munícipes assistidos pela Associação Acolhida com Esperança da Grande São Paulo conhecida como Casa da Acolhida, no dia 31 de outubro, sendo que cerca de 20 pessoas assistiram ao filme “Ouija”.

“Promovemos uma integração social. É muito importante que eles participem de atividades que os façam sair da rotina e os levem a locais diferentes. Ajuda muito no trabalho de reinserção na sociedade”, explicou o psicólogo Alexandre Avanzo Dias, de 31 anos, que trabalha há cinco na Casa da Acolhida.

Continua Após a Publicidade

O morador Jorge da Silva Filho, de 53 anos, está na instituição há dois meses. “Estou passando por uma fase difícil, buscando emprego e tentando me reerguer. Agradeço muito o atendimento que recebo na Casa. Estou adorando a atividade. Me distraio e vivo coisas novas”, afirmou.

A iniciativa, atenderá moradores da região do CRAS Quarta Divisão, além de munícipes assistidos pelos programas sociais oferecidos em todas as unidades do CRAS do município (incluindo Jardim Caçula, Centro e Ouro Fino) e ainda, munícipes atendidos por entidades sociais parceiras.

A próxima sessão, atenderá um grupo do Moeda Social, um programa do Município criado entre o CRAS e Fundo Social, além de munícipes referenciados do CRAS Quarta Divisão, no dia 27 de novembro, a partir das 14h, no anfiteatro do CEU (Estrada do Sapopemba, 5.055).