A Estância Turística de Ribeirão Pires registrou diminuição nos índices de criminalidade. Segundo dados da Secretaria de Segurança Pública do Estado de São Paulo, houve queda nos índices de roubo e furto entre janeiro e julho de 2018, no comparativo com o mesmo período do ano anterior.

O município apresentou queda de 23% no número de roubos e furtos nos sete primeiros meses desse ano em relação a 2017: no último ano, foram 350 registros de roubo na Estância. Os índices de roubo e furtos de veículos também apresentaram queda de 15%, tendo chegado a 126 casos em 2017.

Para combater a criminalidade, contribuindo para a queda do número de ocorrências policiais, a Secretaria de Segurança Pública de Ribeirão Pires está promovendo série de investimentos no setor, com a valorização do efetivo.

“Sabemos que a segurança é uma preocupação de toda a comunidade e temos capacitado, estruturado e investido no setor para melhorar a qualidade do serviço, além de promover integrações com as GCMs e polícias de toda a região, aumentando a segurança e diminuindo os índices de criminalidade, conforme dados divulgados pelo Estado”, afirma o secretário de Segurança Pública do município, coronel José Luis Martins Navarro.

“Nosso efetivo possui profissionais capacitados, que são exemplos para diversas corporações na região. Temos investido na qualificação e valorização da Guarda Civil Municipal para melhorarmos o atendimento à população, fortalecendo a segurança no município”, conclui Navarro.

Valorização do efetivo – Em julho, a Prefeitura da Estância Turística de Ribeirão Pires, por meio da Secretaria de Segurança Pública do município, e a Associação Comercial, Industrial e Agrícola da cidade (ACIARP) assinaram convênio que formaliza a atividade complementar conveniada a ser executada pelos efetivos da GCM. Com limite máximo de 80 horas, a medida garante reforço da segurança por profissionais qualificados na cidade, além de valorizar o efetivo da Guarda.

Desde o início do mês de agosto, efetivos da GCM do município ministram o curso de Operações Táticas da ROMU para integrantes da GCM de Suzano. No total, nove GCMs da cidade vizinha à Estância, que passaram a compor a ROMU do município, participam do curso, que segue até o mês de outubro.

Ainda nesse mês, a Guarda Civil Municipal de Ribeirão Pires ganhou multiplicador da técnica de Tiro Defensivo na Preservação da Vida, também conhecida como Método Giraldi. Por iniciativa do Centro Regional de Formação em Segurança Urbana (CRFSU), mantido pelo Consórcio Intermunicipal Grande ABC, a corporação da Estância passou a contar com novos professores da metodologia, o instrutor de patrulhamento tático e subcomandante da Guarda Civil e ROMU, Carlos Douglas Furlani, e o subinspetor da GCM Gilberto Carlos Gomes.

Investimentos – Dentre os investimentos realizados pela Prefeitura em Segurança Pública está a conclusão da habilitação de 40 GCMs para manuseio de pistola 380, habilitação de 15 GCMs para manuseio de pistola calibre 12 e curso de aperfeiçoamento profissional para todo o efetivo.

Em março desse ano, a SSP do município recebeu a doação de uma viatura Duster pela CBC – Companhia Brasileira de Cartuchos. Novos veículos deverão ser em breve incorporados à frota da GCM.

Entre as novas aquisições para a melhoria do efetivo estão 260 uniformes, 16 uniformes camuflados, 8 coletes balísticos para GCM Canil, 200 pares de calçados, 40 pistolas 380, 1560 munições calibre 38, além da doação de dois cães para o Canil, 3 armas calibre 12, entre outras ações.