O governo do Estado de São Paulo anunciou, na último segunda-feira (02), um valor de R$ 28,6 milhões para melhorias estruturais na Rodovia Índio Tibiriçá.

A via, que liga as cidades de São Bernardo do Campo, Santo André, Ribeirão Pires e Suzano, tem um total de 37,2 quilômetros. Segundo dados, a rodovia recebe uma média diária de 22,4 mil veículos.

Ainda não existe uma data concreta para o início das reformas, mas conforme estipulado pelo governo, a revitalização terá início ainda este ano. É esperado para os pró- ximos dias a publicação do edital do processo de licitação para escolha da empresa que fará os serviços.

A Rodovia Índio Tibiriçá é conhecida pelo alto número de acidentes – na maioria das vezes causados por erros humanos. Há algum tempo moradores e autoridades da Estância Turística de Ribeirão Pires solicitam manutenções na via, como a implementação de lombadas e mais radares de velocidade, visando diminuir o índice de mortes.

A duplicação da via foi uma outra hipótese que já chegou a ser prometida pelo governador de São Paulo, Geraldo Alckmin (PSDB), mas o projeto ainda não saiu do papel.