Cemitério de RGS continua abandonado

O cemitério municipal de Rio Grande da Serra tem se tornado assunto frequente entre os moradores da cidade, principalmente pelo mau estado em que se encontra o lugar. Além disso, o trajeto é difícil por conta da rua cheia de buracos e também pela má condição do velório municipal em sí.

Continua após a publicidade.

Vale lembrar que não é a primeira vez que o cemitério é alvo de críticas, há cerca de 7 meses o local sofreu denúncia de moradores, após uma senhora que esteve presente em um velório dizer que uma cova onde o caixão seria enterrado não estava funda o suficiente. Com isso os próprios familiares tiveram que cavar mais fundo para enterrar o caixão, já que não havia funcionários no local. Na época, o assunto foi à câmara dos vereadores e foi proposto uma revitalização, que aconteceu apenas de forma provisória.

Cerca de um mês após a polêmica, o assunto voltou à tona e, novamente pela câmara dos vereadores, o vereador Claurício Bento (DEM) realizou um requerimento solicitando a pavimentação do local, já que um munícipe teria escorregado enquanto transportava um caixão. De lá pra cá, não há mudanças concretas no local. Na última semana, novamente o assunto foi retomado na câmara, agora pelo vereador Marcelo Alves (PT), o cemitério voltou a ser discutido entre os políticos.

Em contato com a Prefeitura de Rio Grande da Serra, nossos questionamentos não foram respondidos.

Notícias relacionadas