Policiais faziam ronda na manhã do último domingo (16), quando foram acionados via copom sobre um roubo de veículo na Rua Adalberto Augusto, em Mauá.

Após informações, foram patrulhar a região para tentar encontrar os autores do crime. Segundo consta no boletim de ocorrência, a viatura foi informada novamente via copom de que um morador da Rua Quaresmeiras, Ribeirão Pires e divisa com Mauá, havia encontrado em seu quintal uma arma de fogo, tendo em seguida acionado a polícia.

Continua Após a Publicidade

Os policiais foram até a casa do morador e pegaram a arma que havia sido deixada lá. Logo em sequência, uma testemunha avisou os policiais que indivíduos entraram correndo e atirando em um bar, levando a hipótese de possíveis feridos. Os militares foram até o local mencionado e encontrou a dona do estabelecimento, e ao ser perguntada sobre os tiros que haviam sido ouvidos, ela afirmou que também tinha ouvido e indicou que seu filho acabara de chegar em sua casa desesperado junto com outros colegas.

A senhora autorizou a entrada dos policias em sua residência, onde lá dentro foi encontrada uma arma escondida e quatro pessoas, sendo que todos estavam muito nervosos e um ferido. Após questionamentos, os quatro foram detidos e levados até a Delegacia de Ribeirão Pires.

No local, a vítima que teve o veículo Toyota Corolla roubado, reconheceu os quatro suspeitos que estavam detidos, alegando que eles estavam em um Fiat Doblo na hora da ação. O veículo Doblo também era fruto de roubo, e o dono foi acionado para comparecer até a delegacia e fazer o reconhecimento dos autores do crime.

Foram usadas duas armas de fogo calibre 38 para o roubo. Além dos veículos, os jovens também roubaram pertences pessoais das vítimas.

Após investigações, foi descoberto que os autores eram Bruno Ferreira da Silva (21 anos), Vinicius Caio Campos (22 anos), Beatriz de Oliveira (18 anos) e uma menor de 16 anos. Bruno é morador do Jardim Serrano, em Ribeirão Pires, enquanto os outros três residem no Jardim Oratório, em Mauá. Bruno e Beatriz já possuíam antecedentes criminais.

Os veículos foram encontrados e devolvidos aos seus donos.