blank

Moradores de Rio Grande da Serra denunciam a atual situação do cemitério da cidade. Segundo informações de uma senhora que esteve presente em um velório realizado no local, a cova onde o caixão seria enterrado não estava funda o suficiente para cabê-lo. Com isso os familiares tiveram que cavar mais para que o buraco ficasse mais fundo, já que não havia funcionários no local.

Outro fato que vem incomodando a população é a falta de manutenção do local. As covas são cavadas em qualquer lugar do terreno, e para caminhar pelo local é preciso passar literalmente por cima delas. Além de existirem pessoas que não conseguem achar a sepultura de familiares, amigos ou conhecidos.

Continua Após a Publicidade

A falta de estrutura no local onde as pessoas são enterradas é grande, as gavetas onde os corpos são colocados depois de certo tempo também requerem cuidados. O ambiente onde os velórios acontecem são pequenos e sem o conforto necessário para receber um grande número de pessoas.

A prefeitura da cidade ignorou nossos questionamentos.