Na última quarta-feira, dia 5 de junho, o coordenador de Ciências Humanas da UNESCO (Organização das Nações Unidas para a Educação, a e Ciência e a Cultura) no Brasil, Fábio Eon, esteve em Ribeirão Pires para conhecer o Gol do Brasil. O projeto, pioneiro em todo o País na cidade ribeirão-pirense, atende cerca de 200 estudantes de escolas públicas do município em aulas gratuitas de futebol que utilizam metodologia desenvolvida pela CBF.

\"CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE\"

Durante a visita a Ribeirão Pires, acompanhado do secretário municipal de Esportes, Iuquio Ywasaki, e da coordenadora de Projetos da CBF Social, Eliana Mutchnik, o representante da UNESCO conheceu aula prática do Gol do Brasil no Centro Esportivo Vereador Valentino Redivo, na Vila Gomes – no campo de futebol que sedia o projeto. Jovens que participam das atividades deram depoimentos sobre suas experiências com o Gol do Brasil.

“Somos estimulados pelos professores e aprendemos várias coisas além do futebol, como o respeito, a educação, empatia, tudo para nosso crescimento pessoal”, contou Tainara Victoria Silva de Oliveira.

As histórias dos alunos e a metodologia empregada no Gol do Brasil foram avaliadas positivamente pelo coordenador de Ciências Humanas da UNESCO. “Foi um encontro produtivo, que mostrou que temos muitos pontos em comum, que podem convergir parcerias. A UNESCO tem procurado apoiar ações concretas voltadas à universalização da prática esportiva, sempre com foco na construção da cultura de paz e no combate à discriminação de gênero”, explicou o Eon.

Lançado no em 2017 pela Prefeitura, CBF e WTC, o projeto Gol do Brasil tem por objetivo incentivar e democratizar o acesso à formação esportiva na modalidade futebol para os estudantes – meninos e meninas.

O projeto utiliza as 10 habilidades da vida da ONU como base metodológica, entre as quais empatia, comunicação eficaz e pensamento crítico. “Ribeirão Pires tem se consolidado como referência para essa nova experiência, que tem o poder de transformar a realidade de nossos moradores.  Apoiamos e seguimos junto à CBF para levar conhecimento e a bem-sucedida contribuição do Gol do Brasil para nosso município”, declarou o secretário de Esportes, Iuquio Iwasaki.