A ROMU, equipe de elite da Guarda Civil Municipal, encontrou os suspeitos de assaltar uma pizzaria, agredir e roubar a arma de uma GCM, no último dia 6 de fevereiro.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

Após mais de dez dias de busca, a ROMU dirigiu-se até a favela Nova Mauá, no município vizinho. Ao chegar no local, os oficiais foram até a casa de um dos suspeitos, que tinha apelido de “Bruninho” (homem de blusa verde). Após buscas, o mesmo não se encontrava em sua residência. Com nome completo do indivíduo em mãos, a equipe constatou que ele estava preso no 1º DP de Santo André, juntamente com o comparsa, por estarem com um veículo roubado e também com a arma que havia sido roubada da Guarda.

Os dois indivíduos foram reconhecidos pela oficial. Ambos vão responder por roubos a duas pizzarias em Ribeirão e tentativa de homicídio contra a Guarda e um motoboy de um dos estabelecimentos, já que a dupla efetuou quatro disparos em direção as vítimas, que só sobreviveram porque a arma falhou.