A Guarda Civil Municipal de Ribeirão Pires, ligada à Secretaria de Segurança Urbana da Prefeitura realiza, além das rondas preventivas em toda a cidade, operações integradas de segurança em parceria com as polícias Civil e Militar. Uma das divisões operacionais da Guarda ribeirão-pirense, a ROTAM – Ronda Tática com Apoio de Motos, é parte estratégica desse trabalho.

A ROTAM, atualmente, é composta por três GCMs efetivos e três motocicletas do tipo trail 300cc, e entre as atribuições do setor estão: atendimento de  ocorrências e apoio aos munícipes, patrulhamento preventivo, escoltas de autoridades, reforço em ações da ROMU e demais unidades da GCM, reforço em operações conjuntas com as polícias Civil e Militar, entre outras.

“O patrulhamento com motocicletas é muito dinâmico. Para exercer a função, o profissional tem que se especializar na condução do veículo e em técnicas operacionais policiais, tornando o atendimento das ocorrências mais rápido e seguro, tanto para a população, quanto para o agente de segurança pública que faz esse tipo de patrulhamento”, explica o encarregado da ROTAM Alpha, o GCM 2ª Classe Thiago Araújo.

“Temos investido na qualificação e valorização da Guarda Civil Municipal para melhorarmos o atendimento à população, aumentando a segurança e diminuindo os índices de criminalidade no município, conforme dados divulgados pelo Estado”, avaliou o secretário de Segurança Urbana da cidade, José Luis Navarro.

Índices Criminais – Dados divulgados pela Secretaria de Segurança Pública do Estado de Paulo indicam que seguem em queda os índices de roubo e furto, em geral, na Estância Turística de Ribeirão Pires. A Estância Turística de Ribeirão Pires apresentou queda de 24% nos índices de roubo (total – considera roubo de veículos e outros), e redução de 40,27% nos registros de furto geral (exceto furto de veículos, este item obteve uma queda de 13,63%), no comparativo entre os meses de setembro de 2018 e 2017.