Policial Militar é vítima de latrocínio

O policial militar Rodrigo Vieira dos Santos, 40 anos, foi vítima de latrocínio consumado no bairro Sacadura Cabral, em Santo André, na madrugada da última terça-feira (08). O cabo estava a caminho do seu trabalho em uma motocicleta, quando foi surpreendido por dois homens armados armados. O PM teria reagido ao assalto e foi atingido por dois disparos – 1 no braço e 1 no tórax. Os criminosos fugiram sem levar a moto.

Continua após a publicidade.

Rodrigo era morador de Ribeirão Pires e trabalhava na 2ª Companhia do 24º Batalhão da Polícia Militar, no bairro Piraporinha, em Diadema. Segundo informações obtidas, a moto havia sido comprada recentemente pelo policial, e ele estaria utilizando ela para se dirigir ao trabalho apenas pela terceira vez. O crime ocorreu na alça de acesso que liga o Viaduto Luiz Meira à Avenida Prestes Maia, próximo de São Bernardo do Campo.

Após o crime, que ocorreu por volta das 05h, equipes da Polícia Civil e Militar cercaram a comunidade Sacadura Cabral afim de encontrar vestígios sobre os criminosos que matam o PM. O Diário do Grande ABC noticiou que os comerciantes do bairro nem abriram os seus comércios com medo dos bandidos que, segundo alguns dos moradores, dominam a favela.

Notícias relacionadas