No Dia Internacional da Mulher, RP registra caso de violência doméstica

Na tarde da última quinta-feira (09), Dia Internacional da Mulher, uma senhora de 60 anos foi ameaçada e ofendida verbalmente pelo seu marido.

Continua após a publicidade.

Tudo começou quando a mulher voltava do trabalho e se deparou com seu marido bêbado e sob efeito de drogas, o homem proferiu palavras como “vagabunda”, “prostituta” e ao tentar fugir de casa foi ameaçada pelo marido.

Não é de hoje que ela é ameaçada por ele, em alguns casos o rapaz chegou a furar o pneu do carro dela para impedir uma fuga de casa, e durante a noite ela sempre dormia preocupada, no caso de se acordaria ou não no dia seguinte.

Vale lembrar que nas últimas semanas, Ribeirão registrou três casos em dois dias de violência contra a mulher. Segundo pesquisa, uma em cada três mulheres sofreram algum tipo de violência no último ano. Só de agressões físicas, o número é alarmante: 503 mulheres brasileiras vítimas a cada hora. A pesquisa mostrou que, entre as mulheres que sofreram violência, 52% se calaram. Apenas 11% procuraram uma delegacia da mulher e 13% preferiram o auxílio da família.

A mulher registrou um B.O na delegacia de Ribeirão Pires. A polícia continua averiguando os fatos.

Notícias relacionadas