Animal é vítima de maus tratos em Ouro Fino

Moradores encontraram uma mula em estado crítico na manhã da última sexta-feira (15), na Estrada da Varginha, em Ouro Fino.

Continua após a publicidade.

Após acionados, uma equipe da Defesa Civil de Ribeirão Pires se deslocou ao local às 11 horas, e se depararam com o animal caído ao chão e completamente sem forças. Enquanto realizava os primeiros socorros, os profissionais da Defesa Civil pediram auxílio da Guarda Civil Municipal, do Centro de Controle de Zoonoses, de profissionais do Instituto Luiza Mel e até mesmo de alguns vereadores da Estância Turística.

Enquanto aguardavam reforço, os profissionais foram hidratando a mula que ficou exposta por horas em um sol muito forte.

Após algum tempo, trabalhadores do CCZ, da GCM e uma veterinária do Instituto Luiza Mel foram até o local para ajudar. A veterinária aplicou medicação intravenosa para que o animal pudesse se reabilitar.

Já por volta das 18 horas, profissionais e munícipes se uniram e conseguiram coloca-la de pé, sendo que um morador da localidade assumiu o compromisso de adotar e cuidar do animal de maneira legal perante a lei.

Segundo informações, a mula chegou nessas condições após esgotar suas forças de tanto o seu dono força-la a puxar uma carroça.

A lei nº 9.605 da lei de Crimes Ambientais diz, no artigo 32, que praticar ato de abuso, maus-tratos, ferir ou mutilar animais silvestres, domésticos ou domesticados, nativos ou exóticos pode causar pena de três meses até um ano de reclusão, além de multa.

Notícias relacionadas