“Fazendo Arte pela Cidade” agita Ribeirão Pires

A primeira edição do “Fazendo Arte pela Cidade” está ocorrendo em Ribeirão Pires, com a sua agenda lotada e uma programação completamente diversificada para os munícipes.

Continua após a publicidade.

Desde 21 de novembro, os  moradores puderam conferir apresentações gratuitas de dança, teatro, música, exposições, artes plásticas e oficinas em espaços públicos como Jardim Oriental, Centro de Exposições e História Ricardo Nardelli, Praça Central, Centro Cultural e Escola Municipal de Música Alfredo Della Rica, Calçadão da Rua do Comércio e Vila do Doce.

“Este é um evento que abre espaço aos artistas locais, para apresentarem sua arte ao público, e também é uma oportunidade para que a população confira de perto espetáculos diversos, seja no caminho para o trabalho ou durante um passeio por Ribeirão Pires. Dessa forma, aproximamos, ainda, os moradores das atividades culturais realizadas pelo departamento de Cultura da Prefeitura. Por essa razão, o projeto terá continuidade”, explica a secretária de Educação, Inclusão, Cultura e Tecnologia, Flávia Banwart.

Confira a programação até dia 5 de dezembro:

30/11 – quinta-feira – às 20h

Apresentação de música – Recital de Piano

Com alunos dos professores Leidiane Cordeiro, Geraldo Proença, Denis Ito, Marcos Lozano, Daniela Catanzano,  Camila Molina e Demetrio Montealegre

Local: Centro de Exposições e História Ricardo Nardelli

1 de dezembro – sexta-feira- às 20h

20h – Apresentação de música – Recital de Piano e Camerata de Cordas

Com alunos dos professores Leidiane Cordeiro, Geraldo Proença, Denis Ito, Marcos Lozano, Daniela Catanzano, Camila Molina e Demetrio Montealegre.

Local: Centro de Exposições e História Ricardo Nardelli

2 de dezembro – sábado – 14h

Apresentação de música – Recital de Violão

Com alunos dos professores Gesiel Vilarúbia e Affonso Henrique

Local: Centro de Exposições e História Ricardo Nardelli

 

5 de dezembro – terça-feira – 20h

20h – Apresentação de música – Recital de Sopros

Com alunos dos professores Marcos França, Bruno de Souza e Caio de Souza

Local: Centro de Exposições e História Ricardo Nardelli