blank

A região da praça central da cidade, onde fica localizada a Vila do Doce, foi mais uma vez palco de brigas e pancadaria na noite do último domingo (23). Pelo menos dois casos de brigas teriam ocorrido e foram denunciados por frequentadores à nossa equipe. De acordo com os denunciantes, grupos de jovens “sob efeito de drogas e álcool”, começaram a brigar entre si pelas 22 horas. Ainda de acordo com os denunciantes, nenhum veículo da Guarda Civil Municipal (GCM), que é responsável pela segurança do local, estava presente durante a confusão, mesmo depois de terem tentado contato.

“Moço, eu já liguei pros guardas umas cinco vezes e ninguém atende. Não adianta ligar, olha aqui”, disse uma comerciante da região, enquanto mostrava o histórico de ligações de seu aparelho celular.

Continua Após a Publicidade

Nossa equipe tentou contato com o telefone da Central da Guarda Municipal através do número 153 e do número fixo, mas em nenhuma das vezes o telefone foi atendido, apenas tocava. Foram três tentativas: a primeira às 23:00h do último domingo, a segunda às 23:10h e a terceira às 23:15h.

De acordo com informações extra oficiais, os guardas que deveriam fazer a ronda pela região da Vila do Doce, foram direcionados para fazer a segurança de um jogo de futebol durante a manhã, por isso estariam de folga durante a confusão.

Insegurança

Quem frequenta a Vila do Doce, há tempos convive com a insegurança da região. Aos domingos, o local costuma receber grupos de pessoas adeptas aos ‘rolezinhos’, que se encontram para beber entre amigos. Acontece que é comum ocorrerem diversas brigas entre algumas pessoas que costumam ficar mais alteradas. Fato já conhecido dos moradores de Ribeirão Pires.

Em contato com a Secretaria de Segurança Pública da Prefeitura de Ribeirão Pires para esclarecer sobre o caso, não obtivemos nenhuma resposta até a publicação desta matéria.