Continua Após a Publicidade

 

————————————-

Atualização – 19h:

Através de nota, o  sindicato dos Metroviários informou que a greve que estava marcada para a próxima sexta foi suspensa, já  que a justiça estendeu por mais 90 dias a intrajornada de meia hora adicional. O DiárioRP continuará acompanhando o caso.

————————

 

 

O Sindicato dos Metroviários de São Paulo aderiu a uma greve que será realizada nesta sexta-feira, por um período de 24 horas. Ao menos, é isso que informa o site oficial da categoria. Ainda de acordo com o site, uma nova assembleia seria realizada na tarde desta quinta-feira (04), mas não havia atualização de informações.

A primeira assembleia sobre o assunto foi realizada em dois de maio, na terça-feira passada, e decidiu pela greve. Os motivos: postura da empresa em aumentar a jornada de trabalho dos metroviários.

“Apesar de declarar que é favorável à Intrajornada de meia hora, o Metrô está implantando o intervalo de uma hora de forma autoritária, aumentando a jornada e provocando muitos transtornos aos metroviários”.

 – Informou o site que completou dizendo que, “o Juiz não autorizou alteração na escala, nem nos horários de entrada e saída”.

Diário de Ribeirão Pires tentou contato telefônico com o Sindicato, mas não obteve sucesso.