Com a proximidade das eleições, é normal ver candidatos atacando outros, principalmente porque o Tribunal Eleitoral ainda não havia acabado de julgar todas as candidaturas, o que já ocorreu na tarde de hoje, colocando abaixo todas as suposições.

Todos os candidatos às prefeituras de Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra foram considerados aptos para se candidatar e os registros foram deferidos pelos juízes eleitorais de cada cidade, o que significa que nenhum candidato ficou devendo nada à justiça e que todos são “ficha limpa”.

O resultado mais esperado era do candidato Adler Kiko Teixeira (PSB), que por estar no topo das pesquisas eleitorais é o que vem sofrendo mais ataque de adversários. A coligação do candidato à reeleição, Saulo Benevides (PMDB), chegou a pedir a anulação da candidatura de kiko afirmando que ele não é residente da cidade, tese que foi negada pelo juiz, que também aceitou a candidatura do peesedebista.

Já em relação aos candidatos às Câmaras das cidades, a situação não é a mesma. 20 candidatos de Ribeirão Pires e sete de Rio Grande da Serra, tiveram seus pedidos indeferidos, ou seja não foram considerado aptos para se candidatar. A decisão cabe recurso.

Veja a lista completa das candidaturas rejeitadas abaixo:

 Ribeirão Pires:

Ana Lúcia (PMB)
Armando Paulino (PHS)
Caicó (PTN)
Cidinha (PHS)
Cirineu da Farmácia (PMB)
Dr. Manoel (PRB)
Ely do Aliança (PMB)
Rosana (PHS)
Leal (PHS)
Luis Roberto (Sexta-Feira) (PSL)
Maneco da Cultura (PRP)
Matheus Brizotto (PV)
Michilim (PT)
Noel Luz (PSL)
Odorico (PHS)
Rosana Freire (PSDB)
Sandra Regina (PT do B)
Sargento Salomão (PMB)
Zé da água (PHS)
Zulmira (PMB)

 

Rio Grande da Serra:

Cida Silva (PTN)
Heloisa (PV)
Pastor Carlinhos (PTB)
Ronaldinho Varjão (PMDB)
Ronaldo Bedia O Cyborg (PMDB)
Silmara (PT do B)
Valdir Gaucho (PTC)