Por Rafael Ventura.

 

Horários de redução na pressão de água estão disponíveis no site da Sabesp (Foto: Marcos Santos/USP Imagens)
Horários de redução na pressão de água estão disponíveis no site da Sabesp (Foto: Marcos Santos/USP Imagens)

A Sabesp (Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo) divulgou, nesta semana, os horários em que realiza a redução da pressão na rede de água.

A medida faz parte da estratégia da companhia em parceria com o Governo do Estado para lidar com a crise hídrica, que se agravou fortemente nas últimas semanas.

No ABC, a companhia opera em quatro das sete cidades (São Bernardo, Diadema, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra), e já instituiu a diminuição da pressão, que varia de cada cidade.

Curta nossa página no Facebook!

Em Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra, a diminuição da pressão dura 12 horas, começando todos os dias, às 20h até as 8h do dia seguinte. Em Mauá, a SAMA (Saneamento Básico de Mauá), empresa responsável pelo abastecimento da cidade, não revelou horários nem cronogramas, mas garantiu que a medida será ampliada.

Segundo a Sabesp, a redução de pressão nas tubulações é uma tecnologia praticada rotineiramente pelas companhias de saneamento para redução de perdas de água, e a companhia afirma já aplicar esta ação na rede de abastecimento da Grande São Paulo desde 1997.

Ainda segundo a companhia, o que ocorre agora é que com um verão mais seco e quente que em anos anteriores, e com níveis dos mananciais mais baixos que no inverno passado, é imprescindível intensificar esta ação para evitar a exaustão dos reservatórios e manter o abastecimento até a normalidade das chuvas.