Cobra conhecida como Parelheira assusta moradores (Foto: Divulgação)

Na tarde da última segunda-feira(27), morador do Recanto Alpino em Rio Grande da Serra, foi surpreendido pela presença de uma falsa Jararaca no interior de sua residência.

O morador acionou César Eduardo, Coordenador da Defesa Civil de Ribeirão Pires que estava próximo à região. Em um primeiro momento, a suspeita era de que se tratava de uma Jararaca, serpente peçonhenta, responsável por cerca de 80% dos acidentes causados por animais desse tipo segundo a Secretaria de Saúde do Estado de São Paulo.

continua após a publicidade

A cobra foi identificada como Parelheira, conhecida também como Cobra Cipó, não peçonhenta, porém agressiva. Após o resgate, foi devolvida à natureza.

A recomendação do Instituto Butantan é que em casos assim, o morador entre em contato com profissionais capacitados a realizar a captura sem causar danos ao animal. Neste caso, Defesa Civil ou Corpo de Bombeiros (193).

Não é de hoje que serpentes tem assustado moradores por sua presença em residências. Em 2018, o DiárioRP alertou acerca das reclamações feitas por moradores nas redes sociais. Vias públicas abandonadas, falta de pavimentação e roçagem de mato aumentam consideravelmente a invasão de animais silvestres, já que estão em busca de abrigo para se aquecerem ou se resfriarem.