blank

Os funcionários dos Correios anunciaram que irão paralisar todas as atividades a partir das 22h desta quarta-feira (31). A principal reinvidicação é o reajuste nos valores dos salários. Em junho deste ano, o Tribunal Superior do Trabalho (TST) já havia barrado uma tentativa de greve, pois a paralisação tinha cunho político e, no caso, seria ilegal.

A Federação Nacional dos Trabalhadores em Empresas de Correios, Telégrafos e Similares, entidade que representa a categoria, afirma ainda que está lutando “pela manutenção de todos os direitos conquistados”. A greve anunciada terá tempo inderteminado, segundo os trabalhadores. No entanto, uma reunião entre os Correios e os funcionários está marcada para quarta à tarde para tentar firmar um acordo entre ambas as partes.

Continua Após a Publicidade