A tradicional Festa de Santo Antônio de Ribeirão Pires chegou à 43ª edição trazendo renovação. Nesse ano, o evento foi realizado na Tenda Multicultural do Complexo Ayrton Senna, entre os dias 13 e 16 de junho. No total, 14 mil moradores e visitantes prestigiaram o festejo, que teve entrada gratuita. O público aprovou as novidades apresentadas pela organização da festa nessa edição.

A mudança do local do festejo para a região central da cidade atendeu pedido feito pela Quase Paróquia Nossa Senhora de Fátima, realizadora da Festa junto com a Prefeitura, por meio da Secretaria de Turismo e Desenvolvimento Econômico. O objetivo da atualização do formato foi facilitar o acesso ao evento e oferecer mais comodidade aos visitantes – o local é coberto, possui estacionamento, tem capacidade para mais chalés – gastronomia e artesanato, e acomoda mais visitantes.

continua após a publicidade


A moradora Maria Lúcia Cabral, de 56 anos, aprovou o novo formato. “Nesse primeiro ano em novo local, dá para perceber a riqueza que foi a Festa. O evento reuniu muitas pessoas. Nas outras edições, poucas pessoas subiam o Mirante. Estou ansiosa para o próximo ano”, afirmou.

Daniele Aparecida Hipólito Gomes, de 31 anos, também aprovou as alterações da edição desse ano. “A mudança do local da Festa facilitou a vinda de pessoas e trouxe mais comodidade, com certeza. O evento cresceu muito, tem mais barracas, mais opções. Eu adorei”, contou.

O tradicional festejo contou com a celebração de duas missas, no primeiro dia: uma delas na Capela do Mirante Santo Antônio e a outra – Missa Sertaneja, na Tenda do Complexo Ayrton Senna, celebrada pelo padre Odelardo, com a participação da Comitiva Luar do Sertão, de Mauá.

A programação seguiu até esse domingo, dia 16, com apresentações de quadrilha das alunas da Terceira Idade e Ginástica Rítmica da Secretaria de Esportes do município, além das apresentações dos grupos de dança Karen Kihara, João Roncon Arte em Movimento e Isadora Duncan.

Os visitantes também curtiram os shows dos cantores Val Holanda, Lucas Vidotti, Airton César, Kleberson Sobral, e da banda de forró Trio Virgulino. As duplas Allan & Maicon e Roger & Rogério encerraram o evento, com sucessos da música sertaneja.As atrações desse ano também foram muito elogiadas pelos visitantes. “O ambiente é bem familiar. As atrações deste ano foram muito boas. O Trio Virgulino animou muito a festa”, contou a moradora Elisa Aparecida Santos, de 16 anos. “Foi uma festa maior, trouxe mais público e envolveu mais a cidade. Senti que a mudança de local trouxe a tradição de volta”, concluiu.