Rubão e Amigão D'Orto são os mais cotados. (Foto: DiárioRP)
Rubão e Amigão D’Orto são os mais cotados. (Foto: DiárioRP)

As Eleições 2016 ainda não terminaram em muitas cidades da região, como, por exemplo, Mauá que terá segundo turno disputado por Átila Jacomussi (PSB) e Donisete Braga (PT). No entanto, para RP e RGS, ainda há muito que ser disputado; as cadeiras de presidente das Câmaras das duas cidades já estão em disputa.

Na Estância, a briga promete ficar entre os vereadores Rubens Fernandes da Silva, o Rubão, eleito com 969 votos e o estreante Humberto D’Orto Neto, ou como é conhecido, Amigão D’Orto, eleito com 849 votos. A disputa promete ser bastante apertada, tendo em vista que a oposição, ainda não declarada, mas de fácil reconhecimento, tende a ter três vereadores a mais que a situação, que elegeu sete nomes.
Em RGS, a disputa promete ser entre os dois vereadores mais votados deste pleito. Agnaldo de Almeida (PSDB) e Claurício Bento (DEM), são os nomes fortes para disputar a presidência da Casa de Leis de RGS. A diferença de votos entre os dois foi muito pequena. Apenas 15 votos separam Agnaldo, em primeiro de Claurício, na segunda posição.

Desde o ano passado, Claurício já vinha sinalizando interesse em ser o presidente da Câmara no primeiro biênio da nova legislatura, caso conseguisse retornar à Câmara. Com a vitória nas urnas, Claurício já articula sua chapa com seus colegas de bancada. Ambos governistas disputam a confiança dos vereadores. As votações acontecem em 1º de janeiro, logo após a posse oficial.