ABC tem primeiro caso de febre amarela autóctone confirmado

Um morador de São Bernardo do Campo, ABC de São Paulo, teve a confirmação do diagnóstico de que está com febre amarela. O homem de 35 anos havia dado entrada em uma Unidade de Pronto Atendimento (UPA) da cidade no dia 1 de Fevereiro com sintomas do vírus, e foi transferido para o Hospital das Clínicas de São Paulo para passar por exames que, posteriormente, diagnosticaram a doença.

O que torna o caso mais grave é que este é o primeiro caso de febre amarela autóctone (infectado dentro do município), pois a vítima não viajou para nenhum lugar nos últimos meses. A Prefeitura de São Bernardo do Campo informou que ele não havia tomado a vacinação contra febre amarela.

O paciente está internado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital das Clínicas e passa pelos devidos tratamentos, não tendo sido divulgado seu estado de saúde.

Segundo informações, outros dois casos estão sendo investigados de pacientes que podem ter contraído a doença, mas não há dados se esses dois fizeram alguma viagem recentemente.

Outro caso confirmado em São Bernardo do Campo é de um homem de 33 anos que contraiu o vírus em viagem realizada até Mairiporã, local com maior número de infectados e mortos pela febre.

Notícias relacionadas