Brasil vence amistoso preparatório contra Japão

Créditos: Reuters

A seleção Brasileira de Tite, entrou em campo na manhã desta sexta-feira. Na vitória por 3×1, o Brasil não teve muitas dificuldades durante todo o jogo e demonstrou até certa facilidade. Os autores dos gols foram Neymar, de pênalti, Marcelo e Gabriel Jesus. Pelo lado do Japão, o zagueiro Makino descontou, em cobrança de escanteio.

História do jogo

O Brasil dominou o primeiro tempo, que foi o melhor momento da equipe de Tite durante todo o jogo. Em cobrança de pênalti sofrido por Fernandinho, Neymar abriu o placar antes dos 10 minutos do primeiro tempo. Logo após, Marcelo pegaria uma sobra de bola da cobrança de escanteio e encheria o pé, de direita mesmo, para marcar um golaço e ampliar o placar. No final do primeiro tempo, Gabriel Jesus, em bonito passe de Willian e ótimo cruzamento de Danilo, fechou a primeira etapa com o terceiro gol do Brasil.

Macelo comemora golaço pela seleção. (Créditos: Reuters)

O gol japonês veio apenas no segundo tempo, quando, em cobrança de escanteio, o zagueiro Makino subiu mais do que Jemerson para cabecear a bola no canto direito de Cássio, que não alcançou a bola. Logo após a validação do gol, internautas começaram a reclamar sobre uma possível irregularidade no lance, quando, ao subir para cabecear, o zagueiro japonês puxa a camisa do defensor Brasileiro, impedindo seu salto. O árbitro seguiu normalmente com o jogo.

Makino comemora gol pelo Japão. (Créditos: Reuters)

Árbitro de vídeo e pênalti perdido

Nesta partida também esteve disponível o árbitro de vídeo, que foi essencial no lance do primeiro pênalti para a seleção Brasileira. Em lance confuso com Fernandinho, o árbitro havia mandado o jogo seguir normalmente. Em seguida, após o lance, em jogada lateral, o juiz da partida paralisou o jogo para consultar o vídeo e rever melhor o lance dentro da área japonesa. Após análise, o árbitro decidiu marcar pênalti para a equipe canarinha, que foi convertido por Neymar.

Um segundo pênalti foi marcado a favor da amarelinha, porém, este, o goleiro  Kawashima acabou defendendo, em cobrança do atacante brasileiro.

Momento em que árbitro consulta vídeo para auxiliar na marcação do pênalti. (Créditos: Globoesporte.com)

Substituições e estréia

6 substituições foram feitas pelo técnico Tite durante a partida. Diego Souza entrou no lugar de Gabriel Jesus, posição e jogador que ainda não tem substituto definido pelo técnico brasileiro.

Douglas Costa, também disputando vaga de primeiro substituto, entrou no lugar do craque brasileiro, Neymar Jr.

Taison entrou no lugar do capitão do dia, Willian. Renato Augusto e Alex Sandro também entraram durante o jogo.

O goleiro Cássio, do Corinthians, fez sua estréia nesta manhã. Substituído no intervalo, o goleiro Alisson viu seu companheiro de profissão não trabalhar muito durante o segundo tempo e levar o gol japonês em cobrança de escanteio.

Próxima partida

O Brasil entra em campo na próxima terça-feira, também em amistoso preparatório para 2018, contra a Inglaterra, no famoso e histórico estádio Wembley, às 18:00.

Tite deverá escalar a seleção que considera titular.

 

 

 

Notícias relacionadas