CPTM faz nova proposta e Ferroviários adiam greve

Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

Após ter retirado a proposta de aumentar o salário dos trabalhadores, a CPTM voltou a trás e ofereceu 7,5 de aumento aos servidores (retroativo a março de 2016) que aceitaram o que foi oferecido e decidiram suspender a greve previamente marcada para a meia-noite de terça-feira (23).

Na última sexta-feira (20), o Sindicato dos Ferroviários havia anunciado que a classe iria cruzar os braços após a empresa ter retirado a proposta que atendia aos pedidos dos trabalhadores. Se houvesse a paralisação, mais de 3 milhões de passageiros seriam afetados.

Também em estado de greve, os Metroviários decidiram adiar a greve. Na próxima semana, deve ocorrer uma nova reunião entre os servidores para avaliar uma nova proposta do Metrô e decidir se vão ou não paralisar os serviços.

Notícias relacionadas: